Publicação - Representação política: textos clássicos - Detalhes

Referência Bibliográfica:

Aurélio, Diogo Pires  (coord.) (2009) Representação política: textos clássicos. Lisboa: Livros Horizonte. 224 p.

A questão da representação é a questão do poder na sua configuração moderna. Associada à democracia, a representação apresenta-se como efectivação da soberania popular. A história, porém, mostra que os representantes foram sempre suspeitos de ignorar os representados e chamar a si a soberania. De alguma forma, a história da representação nunca deixou de ser a história da «crise da representação». Como explicar um tal paradoxo? Burke, Sieyes, Lukács, Kelsen e Schmitt escreveram, a este propósito, páginas que entretanto se tornaram clássicas. É esse conjunto de textos, indispensável para pensar uma das questões políticas mais actuais, que fica, a partir de agora, disponível em português.

Autor:
Outros autores:

Aurélio, Diogo Pires  (Coord.)

Ano: 2009
Tipo de publicação: Colecção Estudos Políticos
Actividade correspondente CESNova:
Ficheiro: Representação política: textos clássicos
 
 Level A conformance icon, W3C-WAI Web Content Accessibility Guidelines 1.0 Acessibilidade[D] Concepção e desenvolvimento: Plug & Play